2016/07/05

Bad Man's River (1971 / Realizador: Eugenio Martin)

Um revolucionário mexicano contrata quatro ladrões de bancos para destruírem um arsenal do exército mexicano. O arsenal vai pelos ares, mas o soldo dos bandidos esfuma-se com ele, dando-se então inicio a uma interminável sequelas de traições e outras intrujices entre bandidos, revolucionários, exército e mais sei lá o quê. Estamos em inícios dos setentas e os delírios começam a tomar conta da indústria western europeia. Eugenio Martin, que em 1966 realizara o muito reputado "El precio de un hombre", mete também os pés pelas mãos e presenteia-nos com este paupérrimo exercício western, sem fio condutor que lhe valha e com uma bizarríssima trilha sonora para um western de chancela europeia. 

Grande equipa de ladrões. Entram no cofre pela base mas saem pela porta de entrada!

Não se deixem enganar pelos nomes sonantes do elenco - Lee Van Cleef, James Mason, Gianni Garko, Aldo Sambrell, Eduardo Fajardo - aqui se prova que a quantidade não é sinónimo de qualidade. Aliás, até dói ver Lee Van Cleef, um tipo conotado como «duro», aqui com chapéu de coco enfiado na mona e a ser contantemente indrominado pela irritante Gina Lollobrigida. 

Lee Van Cleef mostra algum amor à lambisgóia de serviço, Gina Lollobrigida.

Também o nosso muito apreciado Gianni Garko, que nos habituámos a ver como Sartana ou em papeis de igual importância,  aparece aqui montado numa bicicleta e com óculos na fronha, triste fim. Enfim, podia recomendar-vos uma ou outra edição DVD/Blu-ray mas vou poupar-vos uns cobres e futuros martírios, conselho de amigo: arrepiem caminho, e passem ao lado deste!

Ora então fiquem lá com mais alguma publicidade enganosa: 



5 comentários:

  1. Ver Lee Van Cleef com a marrafinha toda janota é mesmo muito estranho porque toda a gente sabe que o homem era careca.
    Gina Lollobrigida, um dos "sex symbols" em Itália naqueles anos, é prima de um ator que participou em muitos westerns italianos (Lee Burton AKA Guido Lollobrigida).
    Enfim, bom elenco mas filme rasco.

    ResponderEliminar
  2. Assino por cima, por baixo e ao lado. Um desperdício de talentos de um filme que, quando o vi, me deixou estupefacto porque nada liga com nada. Agora imaginem um elenco destes nas mãos de um dos Sergios e um argumento minimamente de qualidade. A música é realmente muito má, mais parece um manifesto de como se deve não fazer um western spaghetti...

    ResponderEliminar
  3. Quem diria que um filme com Sartana (Gianni Garko) e Sabata (Lee Van Cleef) juntos fosse tão fraco?!
    A música, que o António mencionou, é da autoria de Waldo de los Rios.
    Segundo a minha pesquisa o título em Portugal é "Vamos ter sarilho". É um título adequado porque o filme é mesmo um sarilho muito chato!

    ResponderEliminar
  4. Ha´pessoal.. não sejamos tão cruéis com o filme..é uma boa comédia western..eu gosto.Acho o tiroteio da cena final um dos melhores momentos do spaghetti-western-cômico. Embora realmente com esses dois badass Van cleef e Garko poderia ter saido algo melhor em um western carrancudo.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Tinha que ser muito melhor. Esta última revisão que lhe fiz custou mesmo muito a escorregar. Nem a imagem cristalina ajudou. Ainda assim vou deixar aqui o link para o torrent 1080p.

      https://yts.ag/torrent/download/B3C8A0B434C1DDCAB46715B6BEE690315CF3092E.torrent

      Eliminar

Related Posts with Thumbnails